terça-feira, 31 de maio de 2016

II SIMPÓSIO INTERNACIONAL DA ABHR - XV SIMPÓSIO NACIONAL DA ABHR

http://www.simposio.abhr.org.br/site/capa

V CONGRESSO INTERNACIONAL DE HISTÓRIA: NOVAS EPISTEMES E NARRATIVAS CONTEMPORÂNEAS

http://www.congresso2016.congressohistoriajatai.org/

Dicas para DEIXAR de fumar



Dia não ao Cigarro e compartilhe esta ideia

linha da Vida de um Fumante: Fumar? apague esta ideia

Veja o que acontece quando a pessoa PARA de fumar

Dia Mundial Sem Tabaco

Oração à Nossa Senhora da Visitação


Oração à Nossa Senhora da Visitação

Virgem Maria, Mãe de Jesus e minha querida Mãe,
invocando-vos sob o título de “Nossa Senhora da Visitação”,
vos peço que assim como visitantes vossa prima Isabel,
venha visitar minha família,
pois estamos necessitando de muitas graças
que certamente com vossa visita as receberemos.
Que com vosso exemplo possamos
ser mais caridosos com nossos irmãos
indo visitá-los e confortá-los em suas necessidades.
Obrigada Mãe, pelo vosso amor para conosco.
Amém.

Dia de Nossa Senhora da Visitação

Nossa Senhora da Visitação
Maio é o mês dedicado à particular devoção de Nossa Senhora. A Igreja o encerra com a Festa da Visitação da Virgem Maria à santa prima Isabel, que simboliza o cumprimento dos tempos. Antes ocorria em 02 de julho, data do regresso de Maria, uma semana depois do nascimento e do rito da imposição do nome
de São João Batista.
A referência mais antiga da invocação de Nossa Senhora da Visitação pertence a Ordem franciscana, que assim a festejavam desde 1263, na Itália. Em 1441, o Papa Urbano VI instituiu esta festa, pois a Igreja do Ocidente necessitava da intercessão de Maria, para recuperar a paz e união do clero dividido pelo grande cisma.
A Bíblia narra que Maria viajou para a casa da família de Zacarias logo após a anunciação do Anjo, que lhe dissera “vossa prima Isabel, também conceberá um filho em sua idade avançada. E este é agora o sexto mês dela, que foi dita estéril; nada é impossível para Deus”. (Lc 1, 26, 37). Já concebida pelo Espírito Santo, a puríssima Virgem foi levar sua ajuda e apoio à parenta genitora do precursor do Messias Salvador.
O encontro das duas Mães é a verdadeira explosão de salvação, de alegria e de louvor ao Criador. Dele resultou a oração da Ave Maria e o cântico do “Magnificat”, rezados e entoados por toda a cristandade aos longos destes mais de dois milênios.
Desde 1412, Nossa Senhora da Visitação é festejada especialmente pelos italianos da Sicília, como a Padroeira da cidade da Enna. Mas nem todo o mundo cristão celebrava esta veneração, por isto foi confirmada no sínodo de Basiléia em 1441.
Os portugueses sempre a celebraram com muita pompa, porque rei D. Manuel I, o Venturoso, que governou entre 1495 e 1521, escolheu Nossa Senhora da Visitação a Padroeira da Casa de Misericórdia de Lisboa, e de todas as outras do reino.
Foi assim que este culto chegou ao Brasil Colônia, primeiro na Casa de Misericórdia do Rio de Janeiro, depois se disseminou por todo território brasileiro. Antigamente os fieis faziam uma enorme procissão até os Hospitais da Misericórdia para levar conforto aos enfermos e suas doações às instituições. Hoje, as paróquias enviam as doações recolhidas com antecedência, para as Pastorais dos enfermos, que atuam com os voluntários junto às Casas de Saúde mais deficitárias. Tudo para perpetuar a verdadeira caridade cristã, iniciada pela Mãe de Deus ao visitar a santa prima levando sua amizade e ajuda quando mais precisava.
Em 1978, a Madre Maria Vincenza Minet foi chamada pelo Senhor para fundar uma congregação de religiosa sob o carisma de Nossa Senhora da Visitação. Com o apoio do Bispo de Assis, nesta cidade da Itália nasceu as Servas da Visitação em 1978, para abrirem missões a fim de atender as necessidades dos mais pobres e marginalizados em todos os continentes. Hoje, além da Itália, atuam na Polônia, Filipinas, África e Brasil.
A Igreja também celebra hoje a memória dos santos: Câncio, Petronila de Roma e Pascásio.
Fonte: Notícias Católicas

Felicidades


Tchau Maio! Em 2017 iremos nos reencontrar

Booom diaaaa

segunda-feira, 30 de maio de 2016

Crescente uso de 'drogas do estupro' na América Latina preocupa autoridades


http://www.bbc.com/portuguese/internacional-36346967

Cultura machista faz com que vítimas de estupro não reconheçam violência

http://www.bbc.com/portuguese/brasil-36402034

Acesso livre à biblioteca permite ampliar pesquisa por obras

http://www.unoeste.br/Noticias/2016/5/acesso-livre-a-biblioteca-permite-ampliar-pesquisa-por-obras

Requerimento: Corte de árvore morta na Praça João da Rocha Teixeira


Requerimento: Instalação de uma AMI na Vila Nova Prudente


Moção de Aplauso para o PROCON



Oração à Joana d´Arc

Dia de Joana d´Arc

Santa Joana d'Arc

Filha de Jaques d’Arc e Isabel, camponeses muito pobres, Joana nasceu em Domrémy, na região francesa de Lorena, em 6 de janeiro de 1412. Cresceu no meio rural, piedosa, devota e analfabeta, assinava seu nome utilizando uma simples, mas significativa, cruz. Significativa porque já aos treze anos começou a viver experiências místicas.
Ouvia as “vozes” do arcanjo Miguel, das santas Catarina de Alexandria e Margarida de Antioquia, avisando que ela teria uma importante missão pela frente e deveria preparar-se para ela. Os pais, no início, não deram importância, depois acharam que estava louca e por fim acreditaram, mas temeram por Joana.
A França vivia a Guerra dos Cem Anos com a Inglaterra, governada por Henrique VI. Os franceses estavam enfraquecidos com o rei deposto e os ingleses tentando firmar seus exércitos para tomar de vez o trono. As mensagens que Joana recebia exigiam que ela expulsasse os invasores, reconquistasse a cidade de Orleans e reconduzisse ao trono o rei Carlos VII, para ser coroado na catedral de Reims, novamente como legítimo rei da França. A ordem para ela não parecia impossível, bastava cumpri-la, pois tinha certeza de que Deus estava a seu lado. O problema maior era conseguir falar pessoalmente com o rei deposto.
Conseguiu aos dezoito anos de idade. Carlos VII só concordou em seguir seus conselhos quando percebeu que ela realmente tinha por trás de si o sinal de Deus. Isso porque Joana falou com o rei sobre assuntos que na verdade eram segredos militares e de Estado, que ninguém conhecia, a não ser ele. Deu-lhe, então, a chefia de seus exércitos. Joana vestiu armadura de aço, empunhou como única arma uma bandeira com a cruz e os nomes de Jesus e Maria nela bordados, chamando os comandantes à luta pela pátria e por Deus.
E o que aconteceu na batalha que teve aquela figura feminina, jovem e mística, que nada entendia de táticas ou estratégias militares, à frente dos soldados, foi inenarrável. Os franceses sitiados reagiram e venceram os invasores ingleses, livrando o país da submissão.
Carlos VII foi, então, coroado na catedral de Reims, como era tradição na realeza francesa.
A luta pela reconquista demorara cerca de um ano e ela desejava voltar para sua vida simples no campo. Mas o rei exigiu que ela continuasse comandando os exércitos na reconquista de Paris. Ela obedeceu, mas foi ferida e também traída, sendo vendida para os ingleses, que decidiram julgá-la por heresia. Num processo religioso grotesco, completamente ilegal, foi condenada à fogueira como “feiticeira, blasfema e herética”. Tinha dezenove anos e morreu murmurando os nomes de Jesus e Maria, em 30 de maio de 1431, diante da comoção popular na praça do Mercado Vermelho, em Rouen.
Não fossem os fatos devidamente conhecidos e comprovados, seria difícil crer na existência dessa jovem mártir, que sacrificou sua vida pela libertação de sua pátria e de seu povo. Vinte anos depois, o processo foi revisto pelo papa Calisto III, que constatou a injustiça e a reabilitou. Joana d’Arc foi canonizada em 1920 pelo papa Bento XV, sendo proclamada padroeira da França. O dia de hoje é comemorado na França como data nacional, em memória de santa Joana d’Arc, mártir da pátria e da fé.
A Igreja também celebra hoje a memória dos santos: Fernando III, Batista Varano e José Marello.
Fonte: Notícias Católicas

Dia do Geólogo - parabéns a todos os profissionais

Aos aniversariantes aquele abraço


Boa tarde!!!

sexta-feira, 27 de maio de 2016

Talita comemorando mais uma primavera...



 



Ver a minha caçulinha assoprando mais uma velinha é ver a realização de vários sonhos....
Nesta vida o que vale a pena é estar junto de pessoas que amamos. Poder a cada ano nos reunirmos para rir e assoprar velinhas.
E cada adição de uma vela na nossa vida é um momento para recordar os grandes momentos.
Ou transformar pequenos momentos como momentos mais que especiais.
Talita, as suas asas já a fizeram voar muito alto.... assim como a fez retornar para a sua casa.
Que você possa realizar todos seus sonhos....
Sua avó, irmãs e eu lhes abençoamos com saúde, paz e conquistas....

Beijinhos de sua mãe querida!!!!

Parabéns a todos os profissionais da saúde

Dia da Mata Atlântica

Boa sexta-feira

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Resposta: Uso de Drones para combate ao Aedes Aegypti



Resposta: Delegacia Especializada em Crimes Eletrônicos ou Cibernéticos



Resposta:Implantação de novos abrigos na Praça Mon Senhor Sarrion



Dia da Adoção!!!!!

Dia Mundial da Criança Desaparecida

Dia da Adoção

Abraços Especiais


Bom Dia!!!!!!